Quais são os tipos de marteletes e como escolher o ideal para o serviço?

13 ago, 20 | ACESSÓRIOS

O martelete é aquela ferramenta indispensável na obra. Todos os profissionais da construção civil conhecem e contam com a ajuda desse equipamento tão importante.

Mas, o que muitos não sabem é que existem diversos tipos de marteletes. Cada um deles serve para algumas funções específicas e alguns acumulam capacidades de realizarem mais do que uma ao mesmo tempo. Eles são sempre vistos nas perfurações, quebras e demolições de paredes e ainda perfurando asfaltos. Para cada caso, uma tecnologia adequada.

São também muito parecidos e seu grande diferencial são os tipos de acessórios que podem ser instalados, como talhadeiras, brocas e ponteiros, e que lhe dão a capacidade para determinado serviço.

Nesse artigo vamos apresentar quais são os tipos de marteletes e como escolher o ideal para o serviço a ser realizado. Continue lendo e confira!

Quais são os tipos de marteletes?

Existem 3 tipos de marteletes que são utilizados para serviços diferenciados nas obras de construção civil:

Martelo demolidor

O martelo demolidor é indicado para utilização em serviços pesados, onde é necessária a remoção de concretos, pedras e asfaltos.

Também é bastante utilizado na compactação de superfícies em função da sua potência e na abertura de canaletas para a passagem de tubulação nas paredes. É a melhor opção para a perfuração de asfalto.

Martelo perfurador

O martelo perfurador possui a função de furar, portanto, é a ferramenta ideal para trabalhos específicos onde ponteiras como brocas e talhadeiras são utilizadas. Esses equipamentos são utilizados para materiais de todo tipo de densidade, facilitando as tarefas e garantindo a qualidade do trabalho desenvolvido.

O objetivo do martelo perfurador é furar materiais como:

  • Pedras;
  • Tijolos;
  • Concretos;
  • Madeiras;
  • Plásticos;
  • Cerâmicas;
  • Aços;
  • Materiais sintéticos;
  • Metal.

Também é utilizado para a colocação de parafusos.

Martelo rompedor

Geralmente, o martelo rompedor nos tamanhos menores (de 3 a 5 quilos) são confundidos com o perfurador, uma vez que possuem essa capacidade. Mas, tanto perfuram, como também cumprem o seu verdadeiro objetivo: cinzelar, cravar, densificar e quebrar concreto, tijolos e paredes.

Os modelos maiores não possuem função para perfuração.

Esse equipamento possui ainda outra utilidade, que é o mecanismo golpeador embutido e controle eletrônico de velocidade para o ajuste de força de batidas na peça a ser rompida.

Como escolher o ideal para a obra?

Se a sua obra for apenas de uma pequena reforma, é importante verificar o objetivo da utilização do martelete para fazer a escolha adequada. No entanto, nas obras que envolvem grandes reformas ou novas construções, normalmente os 3 tipos de marteletes precisam ser utilizados.

Mas, não se preocupe. Você não precisa adquiri-los, armazená-los e providenciar a manutenção das ferramentas.

Todas essas tarefas e responsabilidades podem ficar para terceiros que, além de cuidar desses pontos, mantém todos os equipamentos funcionando de maneira adequada.

Para ter todas essas vantagens, é só contar com a locação dos marteletes pelo tempo necessário e nos modelos que realmente serão utilizados em sua obra. A locação é a melhor solução em termos econômicos, além da garantia de que produtos de alta qualidade serão entregues em sua obra para realização do seu projeto.

A LocLav, especialista em equipamentos para locação, tem os melhores marteletes a sua disposição. Acesse nosso site e conheça nossos produtos!

 

(Imagens: divulgação)
9 equipamentos essenciais em um canteiro de obras

Compartilhe nas redes sociais:
Assine a
nossa newsletter