x

Dúvidas? Fale conosco através do WhatsApp. Clique aqui.

Dúvidas? Fale conosco através do WhatsApp. Clique aqui.

Blog

CONSTRUÇÃO

A construção civil em 2019

Postado em: May 21, 2019

Compartilhe:

Blog

Banner

Postado em: May 21, 2019

Compartilhe:

Especialistas do setor de construção civil esperavam melhor atuação, ainda que mínima, deste segmento para o ano de 2018. Porém, entre tantos fatores, inclusive devido à greve dos caminhoneiros que houve no primeiro semestre e às Eleições, que influenciaram significativamente os resultados econômicos nos últimos meses. Com isso, o crescimento desse ramo de atividades, agora, é esperado apenas para 2019.

Construção Civil

Muitas incertezas também relacionadas à algumas quedas de ações de grandes empresas na Bolsa de Valores brasileira e, à alta do dólar, tornou o ambiente de investimentos menos confiável, elevando a instabilidade do setor.

Segundo a pesquisa mensal que prevê tendências econômicas para práticas do setor de construção civil, a Sondagem da Construção da Fundação Getúlio Vargas e do Instituto Brasileiro de Economia – FGV/Ibre, apresentou, em seu Índice de Confiança da Construção, pontuação decadente em 1,6 ponto, entre os meses de junho a agosto, este ano, referente ao nível de confiança das empresas deste setor.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, também divulgou uma queda de 1,8% dos investimentos neste mercado, no segundo trimestre, em relação ao primeiro trimestre de 2018. É uma sucessão de retrações que realmente afetam tanto empresas do ramo, quanto a confiança do investidor e do consumidor.

Nem tudo está perdido…

As esperanças apenas se renovam, ainda para este ano, quando fala-se em pequenas reformas, por exemplo, pois o varejo de materiais de construção é o segmento que tem a probabilidade de proceder melhor, com uma projeção de crescimento de 1,5% no faturamento, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção – ABRAMAT.

Dessa forma, produtos como cimento, aço, esquadrias, tintas, tubos e conexões, cerâmicas e vidros, são os itens que podem ter leve avanço de resultados até o final deste ano. Já grandes obras de infraestrutura, construções de edifícios e grandes condomínios, seja comercial ou residencial, só têm previsão de retomada para 2019.

Construção Civil

Iniciar 2019 reformando sua casa

Diante desse cenário, agora é um bom momento para adquirir materiais de construção se você pretende iniciar alguma reforma em sua casa apenas em 2019. Já que a venda de produtos de construção tem melhores perspectivas, esta é a chance do consumidor conseguir negociar melhor na hora da compra.

Andaime

No geral, ao planejar uma obra, consegue-se obter os materiais com antecedência, garantindo boa qualidade e melhores orçamentos, ainda que sua armazenagem demande cuidados especiais.

Para estocar esses materiais, no geral é necessário um espaço limpo, seco e coberto. Além disso, dependendo do tipo de material, alguns cuidados específicos ajudam a manter a boa qualidade dos produtos. Veja como e os tipos:

  • Tijolos: Armazenagem em local seco e cobertos por um plástico ou tecido.
  • Madeiras: Sempre estocadas em local seco e coberto pois, quando úmidas, tendem a se expandir, aumentando de tamanho. Empilhe-as de forma horizontal, pois na vertical elas correm o risco de empenar.
  • Pedras e cerâmicas: Devem ficar em suas próprias caixas, e há instruções de estocagem em na embalagem, mas no geral, o único cuidado está em não empilhar muito alto para que as mesmas não corram o risco de quedas.
  • Materiais de aço: Geralmente, o aço vem de fábrica com um produto anti-corrosivo, mas ainda assim, guarde-os em local seco, arejado e cobertos da chuva.
  • Telhas: Por se tratar de um material que naturalmente ficará exposto ao tempo, não é necessário estocagem abrigada, mas é necessário cuidados ao manuseá-las.
  • Materiais de PVC (tubos): Abrigar de forma horizontal deitados no chão, em local coberto do sol e das chuvas.
  • Cabos e fios: Manter conservados dentro das próprias embalagens e em local seco e coberto.
  • Cimentos, areias e britas: Sempre em local seco e coberto do tempo (chuva, vento e sol).
  • Azulejos: Empilhar de forma horizontal, dentro de suas próprias embalagens, abrigados do sol, ou seja, em local coberto.

Sabendo como armazenar cada material da forma como listamos acima, você realizará a sua pequena reforma com insumos de qualidade, aproveitando o bom momento, e obtendo rapidez e sucesso na finalização da sua obra.

 


A construção civil em 2019

Leave a Reply

avatar
  Subscribe  
Notify of

0 itens para orçamento

Fechar